Preciso implementar UX Research na minha empresa?

Quando estamos desenvolvendo um novo produto digital, um dos pontos levados em consideração dever ser a experiência do usuário. Não se atentar à isso pode causar uma alta taxa de rejeição do seu produto. E a melhor maneira de evitar esse problema é através da UX research.

Produtos digitais, em especial os websites, devem passar por uma pesquisa de UX design bastante detalhada. O Google leva em conta a experiência do usuário na hora de ranquear o seu site, ou seja, o UX é uma medida de ranqueamento importante.

Você sabe qual a importância da UX research para seu projeto? Vamos apresentar para você em detalhes.

O que é UX research?

Podemos dizer que a UX research coloca seu público-alvo como o centro de todo o projeto. Indo um pouco mais além nessa definição, é certo afirmar que se trata de aplicar informações coletadas por pesquisas com seu público-alvo diretamente no design do seu produto.

Dessa forma, uma pesquisa de UX leva detalhes sutis em consideração, os quais, embora pequenos, fazem toda a diferença para o usuário. Para resultados ricos, o procedimento divide-se em métodos quantitativos e qualitativos.

Os testes quantitativos, como o próprio nome sugere, cuidam de coletar informações mensuráveis numericamente. Assim são usados questionários, experimentos e a observação do comportamento do usuário enquanto utiliza seu produto.

Já os testes qualitativos estão preocupados com o que os usuários têm a dizer sobre o produto. Nesse caso, não é possível atribuir valores numéricos, mas insights poderosos podem ser conquistados em entrevistas.

O ideal é utilizar ambos os métodos para conseguir informações concretas sobre a experiência de usuário. A pesquisa em UX pode ser realizada de diversas formas, mas esse assunto será tratado mais para frente neste artigo.

Primeiro vamos apresentar bons motivos para você realizar sua UX research.

Por que realizar pesquisa em UX?

Existem 3 excelentes motivos para sua empresa implementar a UX research em sua linha de desenvolvimento, sendo eles:

  • Entregar um design que realmente faça a diferença para o usuário.
  • Desenvolver um design que facilita o consumo do produto digital, além de ser fácil de usar.
  • Alta taxa de aceitação de seu produto.

O primeiro motivo, embora um pouco obscuro, faz sentido quando visto por determinado ângulo. Ao criar um produto, geralmente colocamos o que achamos melhor no design, e esse é justamente o problema: você não é o público-alvo do projeto.

Ao entender às necessidades do usuário através de pesquisa em UX, fica mais fácil compreender qual é o design ideal para ele. Assim, o produto final agrada seu público-alvo, pois não há uma quebra de expectativa.

Outro ponto importante é a facilidade com que os usuários vão consumir seu produto digital. Vamos supor que seu produto seja um curso e que ele está hospedado em um site pessoal.

Ao entrar no site, as letras são bem pequeninas, e a parte escrita possui vários jargões em inglês. Detalhe: seu público-alvo são senhoras de 70 anos. Já deu para entender o problemão em que você se meteu, não é mesmo?

Por fim, uma pesquisa detalhada em UX vai aumentar a taxa de aceitação de seu produto. Na verdade, isso não é nenhuma surpresa, pois alinhar seu produto aos usuários faz com que seja aceito com facilidade.

Vamos aprender a pesquisar!

Como fazer UX Research?

Photo by UX Indonesia on Unsplash

Fazer uma pesquisa em user experience não tem segredo, mas é uma tarefa bastante trabalhosa. Existem algumas abordagens padrão para entender o que seus usuários esperam de seu produto, e é disso que vamos falar agora.

O método mais utilizado para começar uma pesquisa em UX são os famosos surveys — uma forma gourmetizada de dizer questionário. Uma das vantagens está no baixo custo de se aplicar questionários. Ferramentas poderosas como o Google Forms podem ser usadas gratuitamente.

Para coletar informações detalhadas de seu público-alvo, o ideal é realizar entrevistas com as pessoas que farão uso do produto digital. Assim, sua equipe terá muito material para trabalhar e com certeza o produto final será ótimo.

Nossa última dica para você coletar informações que podem agregar valor ao seu produto é bem simples: dê uma olhadinha no produto da concorrência. Fique atento às críticas feitas por usuários do produto! Essas informações são valiosíssimas para você.

A UX research deve ser feita para manter o foco do projeto no usuário, facilitando o processo de desenvolvimento consciente e aumentando as chances de validação do produto.

Precisa de ajuda com isso? Não deixe de ver como a equipe da Homem Máquina trabalha!

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Fechar ×
Precisa de ajuda com seu site, sistema ou aplicativo?
Nós ajudamos negócios de todos os tamanhos com design, tecnologia e estratégia digital
Conheça melhor a Homem Máquina